Éder avalia a temporada e garante que o Bahia pode surpreender

Foto: Marcelo Malaquias/EC Bahia

Tricolor enfrenta o São Paulo pela última rodada do Brasileirão. Diretoria do tricolor paulista quer casa cheia e preparou promoção com ingressos saindo a um real

O Bahia quer deixar uma última boa impressão na temporada. As derrotas consecutivas contra Sport e Chapecoense, em casa, enterraram as chances matemáticas do clube entrar no G-7 e garantir vaga para a Libertadores em 2018. Ocupando a 11ª posição com 49 pontos, o time tricolor ainda tem direito de sonhar com a Libertadores desde que Flamengo e Grêmio acabem campeões de Sulamericana e Libertadores, respectivamente. Neste caso, o Bahia ainda precisa fazer sua parte contra o São Paulo, além de secar Botafogo, Chapecoense e Atlético-MG. Ou seja: a missão das Américas é muito difícil para o Esquadrão de Aço.

Entrevistado da última tarde no Fazendão, Éder admitiu que o Bahia relaxou nas duas últimas rodadas: fruto da certeza de permanência na Série A para 2018. Para fazer uma média com a torcida e se despedir da temporada de uma forma mais feliz, o volante quer estragar a festa do São Paulo em pleno Morumbi: a direção do tricolor paulista anunciou promoção com ingressos a partir de R$1 e quer o estádio lotado.

– Eles estão com uma expectativa muito grande pela Libertadores. Mas, assim como a Chapecoense, que tirou nosso sonho de lutar pela Libertadores com mais facilidade, nós podemos chegar lá e calar o Morumbi. Dentro de campo é 11 contra 11. Vai ser um jogo difícil porque eles querem chegar lá. Mas nós também queremos. Então quem fizer por merecer vai levar o resultado – falou o polivalente Éder.

Oriundo da base tricolor, Éder subiu como volante, se firmou como zagueiro e nesta temporada atuou a maioria das partidas na lateral-direita. Como Eduardo está suspenso, Éder é aspirante a titular para o último confronto do Bahia no ano. Foto: Divulgação/Marcelo Malaquias/EC Bahia

Apesar da frustração na reta final, Éder fez um balanço positivo sobre a temporada do tricolor. Ele garantiu que os objetivos do elenco foram cumpridos e que, durante o ano, a equipe conseguiu trazer a torcida para o lado do time azul, vermelho e branco.

– Acho que, no geral, foi uma temporada bem produtiva para o Bahia. Cumprimos nossos objetivos. O objetivo maior era se manter na Série A. Dentro desse objetivo, tinham outros. A Copa do Nordeste, que a gente recuperou a confiança do torcedor com o título. Acho que, no Brasileirão também. Querendo ou não, no final a gente teve uma boa produtividade porque estamos a uma vitória de ter o melhor rendimento do Bahia dentro da competição. Acho que foi um ano produtivo. A gente ainda tem chances de brigar por competições maiores, mas já falando poucos dias antes do último jogo, acho que foi um ano grande para a gente. – avaliou o zagueiro.

No final da coletiva, ele comemorou a classificação do clube para a Copa Sulamericana e garantiu que o tricolor entrará na competição focado em chegar até as fases finais.

– A classificação para a Sul-Americana é um brinde pelo trabalho que a gente vinha fazendo. Nossa pretensão era não cair, se manter e, consequentemente, a gente ia brigar por coisas maiores. Lógico que a gente ainda pensa na Libertadores. Tem chances remotas, mas tem. Então, enquanto tiver chance, a gente vai lutar, procurar vencer outro jogo e contar com a ajuda dos adversários. Quanto à Sul-Americana é uma competição de extrema importância. Dá vaga na Libertadores. O Bahia vai entrar para disputar e tentar chegar até a final. Não é desprezo nenhum disputar a Sul-Americana. – garantiu.

Bahia e São Paulo estão empatados em número de pontos, ambos com 49, e se enfrentam pela 38ª e derradeira rodada do Campeonato Brasileiro. A partida acontece no Morumbi e o apito inicial está marcado para as 16h, em horário de Salvador.

Vinicius Nascimento
Sobre Vinicius Nascimento 145 Artigos
Estudante de Comunicação (UFBA). Colunista e repórter da Juazeirense e Fluminense de Feira.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*