Mancini exalta equipe após triunfo em Conquista: “Hoje jogou 90 minutos bem feitos”

Foto: Maurícia da Matta - Vitória/Divulgação

O Vitória de 2018 vai lentamente ganhando forma, e a torcida do Vitória espera que, após dois anos tensos (2016 e 2017), a luta contra o rebaixamento não se repita nesta temporada. Aos poucos, a equipe do Vagner Mancini vai ganhando corpo, vai se compactando e ficando do jeito que o treinador quer. No triunfo por 2 a 0 diante do Esporte Clube Primeiro Passo – Vitória da Conquista, com gols de Neilton aos 11 minutos do primeiro tempo e Bryan aos 45 minutos do segundo tempo, o time rubro-negro teve o domínio das ações e sofreu muito pouco ao longo dos 90 minutos. Desta forma, Mancini exaltou e elogiou os seus comandados em entrevista coletiva concedida após o confronto, que foi disputado na noite desta quarta (24), no estádio Lomanto Júnior.

– No jogo diante do Globo-RN nós acabamos vendo um Vitória que oscilou um pouco durante a partida, o jogo contra o Juazeirense, domingo no Barradão, nós tivemos 10 a 15 minutos no final do primeiro tempo onde a equipe deu uma oscilada, hoje não, hoje jogou 90 minutos bem feitos – afirmou

O leão da barra voltou a mostrar suas garras no ataque, com boas ideias, triangulações e jogadas bem ensaiadas, como já havia ocorrido no empate diante do Juazeirense, no último final de semana. Junto a isso, o Vitória apresentou uma boa organização tática e um sistema defensivo um pouco mais sólido – anteriormente alvo de críticas –, que também foi exaltado pelo treinador rubro-negro.

– Eu acho que hoje nós tivemos uma consistência tática muito boa, não é fácil jogar aqui. O time do Washington é um time que força muito, que tem bons atletas, atletas rápidos, mas o Vitória teve em sua parte técnica o domínio e o controle da partida […] Essa equipe que vem desde o ano passado jogando bem, principalmente fora de casa, o último jogo no Barradão fez um bom jogo, melhor do que vinha jogando, bobeou, perdeu muitos gols, eu espero que quando a gente tiver jogando também dentro do Barradão a equipe jogue solta – afirmou

– É, mas um ou outro lance, por ser início de temporada a gente tem que aceitar. Hoje eu vi o sistema defensivo do Vitória jogando em uma linha alta, não permitiu muitos ataques do Conquista, e fez, na minha opinião, o melhor jogo desses últimos três (do sistema defensivo). […] Saíram jogando diversas vezes, botaram a bola no chão num campo que não é igual ao nosso, que tem uma certa irregularidade. […] O técnico nunca fica satisfeito, ele nunca dá nota dez ao seu time porque ele sempre vê alguma coisa que dá para evoluir, e em cima disso a gente vai acertando – avaliou

O próximo compromisso do Vitória é neste domingo (28), pela terceira rodada do Campeonato Baiano 2018, onde enfrentará o Atlântico, no estádio de Pituaçu, às 16 hrs (horário de Salvador).

Confira outros trechos da coletiva de Vagner Mancini.

 Lance dos gols

– […] Um gol de bola parada numa jogada ensaiada e foi fazer o segundo já no final. Nós até tivemos naquele mesmo lance um pênalti, eu já vi o lance, a bola bate na mão do zagueiro quase hum metro e meio dentro da área. […] Mas enfim, acho que o que valeu realmente foi que o Vitória fez uma bela apresentação.

Felipe Soutto

– […] Hoje ele fez um grande jogo, acho até que foi o melhor do Vitória junto com alguns outros jogadores. O Correia também foi muito bem, Neilton. […] Ele tem um peso muito grande porque é um jogador, que assim como o Correia, faz a distribuição das jogadas. […] Pra que a gente tenha no meio campo a participação efetiva de um jogador canhoto que faça a bola fluir, peço a ele que encoste no Bryan, Kieza ou com quem estiver jogando ali naquele setor. […] Hoje ele cumpriu à risca.

Reforços

– […] Serão incorporados também, o Rhayner e o André Lima já atuaram em outros anos aqui, então sabem a maneira que eu penso, sabem também que vão ser úteis. O campeonato ele é paralelo com a Nordeste (Copa do Nordeste), então nós vamos ter jogos em sequencia daqui a pouco, até por ter um elenco reduzido, eu vou ter que mexer na equipe. […] Assim como os outros também que vão chegar, vão estar atentos a oportunidade e também ajudando em todo esse processo.

No dedo

– A minha visão na virada do ano era exatamente que a gente mantivesse a base, porque em cima dela, você consegue buscar peças pontuais. Então hoje a gente vê o que temos para passar a ter um pouquinho mais de opções. Ainda estou com o banco reduzido, diariamente nos treinos a gente não tem um elenco farto, mas são atletas que vem pontualmente, que são escolhidos a dedo para chegar e ajudar.

Tacio Caldas
Sobre Tacio Caldas 7 Artigos
Direito como profissão, jornalismo por amor e futebol por paixão. Pelo esporte eu vivo e imparcialidade é meu nome. Rubro-Negro acima de tudo.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*