Rodrigo errou tudo que tinha direito, precisa reconhecer mais e justificar menos

Foto: Vitória

O Vitória ainda tem dois jogos para realizar na primeira fase do Campeonato Baiano. Informação importante para dizer que se o treinador do rubro-negro tinha um momento para errar, esse dia foi ontem (quarta), quando a equipe enfrentou o Doce Mel. Mas, Rodrigo Chagas abusou na quantidade de decisões equivocadas durante a partida.

Ainda no primeiro tempo, foi forçado a realizar duas substituições devido a lesão e uma delas foi a saída de Cedric e a entrada de Soares (que no Vitória não pode ser chamado pelo apelido Bolota). Nos 44 minutos que esteve em campo, Bolota fez o que o Vitória estava precisando, quebrou a linha do sistema defensivo do Doce Mel e estava chamando a responsabilidade da partida.

Contudo, mesmo que Rodrigo Chagas não queira dizer, Bolota pecou em um lance. Perdeu a bola no meio de campo e armou o contra-ataque que resultou no gol do Doce Mel. Rodrigo preferiu jogar Bolota aos leões e trocou o jogador por Anibal. Vitória passou a jogar com dois centroavantes e perdeu a dinâmica proporcionada por Soares durante os 44 minutos que esteve em campo.

Rodrigo justificou, disse que tirou Soares porque no dia a dia Ruan Nascimento demonstra que pode fazer a função que ele esperava naquele momento da partida. Não Rodrigo, você errou e não reconheceu o momento de Bolota na partida.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui