Vereadores de Salvador aprovam academias como atividades essenciais

Foto: Reprodução.

A Câmara Municipal de Salvador (CMS) aprovou o projeto que sugere ao prefeito Bruno Reis (DEM) o reconhecimento de atividades físicas como essenciais. A matéria foi aprovada na última quarta-feira (7) e tem como autor o vereador Téo Senna (PSDB).

O texto defende que academias de ginásticas e similares, nas dependências de clubes sociais, recreativos e esportivos, sigam o mesmo protocolo de funcionamento e retomada das que são localizadas fora dos clubes, assegurando seu funcionamento essencial para a prática da atividade e do exercício físico, ministrados por profissionais de Educação Física, durante a pandemia da COVID-19.

O último decreto do governador Rui Costa (PT) autorizou a reabertura seguindo protocolos e com capacidade máxima de 50% nos estabelecimentos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui